Em um gesto simples o amor enorme pelos animais

3 comentários:

  1. Informações recentes:
    "

    Olá pessoas do bem,


    Necessario se faz em primeiro lugar agradecer a todos que se empenharam a melhorar a condição de saúde dos cães da senhora Eliane , protetores, colaboradores ,pessoas anônimas , uma das quais enviou uma camionete com fubá, cenoura e carne para os animais, MUITO OBRIGADO !

    Ao receber as fotos , levantamento da situação , verificação e constatação da realidade pude perceber o capricho, cuidado e limpesa no interior da casa , apesar das dificuldades , os cães estão fortes e portanto sem sarna , caminhas improvisadas com caixotes e o carinho dedicado para cada um deles , essa senhora não está mais costurando para fora para poder dar atenção para todos.

    A integridade dessa senhora é portanto impressionante , não aceita dinheiro em espécie , tivemos que conseguir doações e o dinheiro que recebemos depositamos todo na conta da veterinária (trezentos reais) para que compre as vacinas.
    Conseguimos anti-pulgas e vermifugos doados que darão para tratar todos os animais .
    Os animais serem todos tratados no sábado à tarde pela veterinária que está doando todo seu trabalho com a ajuda de duas protetoras voluntárias.

    A castração da poodle e dos filhotes ja está garantida com uma Ong , assim que completar os quinze dias de vacina e os filhotes quando completarem seis meses.
    Uma pessoa doará a porta de folha,.
    Por este local é que as pessoas jogam os animais para dentro da casa da Eliane , diminuiu um pouco agora porque ela conseguiu colocar um carpete para tampar o buraco.

    Se faz mecessário e urgente um trabalho de divulgação maciça de Posse Responsavel a nivel inclusive de m,ídia ,casos das senhoras Eliane e Maria acontecem por falta de esclarecimento das pessoas que julgam que é uma casa onde se recolhe cães causando não só para os cães como para essas pessoas mais dificuldades , pois as mesmas não iram se negar a acolher.


    Essa senhora tem sobrevivido com dificuldade porém com dignidade, dividiu a casa ao meio para alugar a outra metade e ter uma renda a mais, faz pão de mel e toalhinhas para lavabo também para aumentar a renda e poder ter alimentação para ela e para os cães e poder pagar as contas de água , luz e telefone que volte e meia é cortado, mas ela paga atrasado.
    Tudo que encontra na rua caixotes , tapetes , transforma em caminhas (ela mesma faz) e paninhos para colocar nas caminhas para os animais não sentirem frio, quando chove protege as caminhas improvisando uma cobertura com plástico para que não se molhem .

    Perguntamos para ela o que precisa de doação para melhorar a situação dos cães, devido ter percebido que ela colocou na parte onde tem terra pedaços de caixotes e tábuas que encontra na rua para que os animais não fiquem tão sujos de terra (o lixo das pessoas é o que tem ajudado os cachorros ).
    Mas ela só pede fubá para garantir que seus animais não passem fome.
    Ela está muito grata e emocionada pelos animais terem alimentação garantida e por tudo o que está sendo feito por ela e pelos animais.


    Abraços.

    Leyla."

    ResponderExcluir
  2. Em 27 de fevereiro de 2010 09:55, Rosimeri Bereza escreveu:

    Tenho fubá em casa, como posso levar até lá? Qual é o endereço???
    Rosimeri

    ResponderExcluir
  3. belo gesto,deve pedir não fubá mas dinheiro para comprar!

    ResponderExcluir